Camisa social: 3 tipos de colarinho e quando usá-los

Cor, tamanho e estampa. Quando um homem escolhe uma camisa para comprar, em geral esses são os três elementos aos quais ele presta atenção. Às vezes o tecido, também, mas nem sempre.

Mas e o colarinho, senhores? Por que nós esquecemos do colarinho? Ele pode parecer um detalhe, mas faz toda a diferença no look. Então conheça os três estilos principais de colarinho e veja dicas de como usá-los:

FRANCÊS: O CLÁSSICO

frances

O colarinho francês é o mais tradicional. Se você abrir o seu armário, vai reparar que quase todas as suas camisas o têm. Qual é a razão de tanta popularidade? Ele é incrivelmente versátil. Combina com qualquer look e tipo de gravata. Sua força está em ser básico. O colarinho francês não é muito longo, tampouco aberto demais. Use sem moderação.

ITALIANO: O ELEGANTE

italiano

Quer acrescentar uma dose de elegância ao look? Aposte no colarinho italiano. Você pode identificá-lo por ser mais curto e aberto do que o francês. Usá-lo é sinônimo de bom gosto. Mas há um detalhe importante. Como a sua largura é ampla, caso você coloque uma gravata, é bom adotar um nó mais largo, como o Windsor, para preencher o espaço adequadamente.

AMERICANO: O ESPORTIVO

americano

Com uma pegada mais esportiva e relaxada, o colarinho americano traz um botão de cada lado. É o menos formal dos três. Funciona bem sem gravata. Mas, se você quiser,  pode usá-lo com terno e gravata também. Apenas lembre-se de deixá-lo abotoado sempre. Se você optar pela gravata, o nó simples ou Semi-Windsor são indicados.

VÍDEOS EM DESTAQUE

***

Texto oferecido por EL HOMBRE

Pedro Nogueira

Pedro Nogueira

Editor-chefe
Criador do blog Moda Masculina & Co, também é editor-chefe do portal de lifestyle masculino El Hombre.

Deixe um comentário